2 de setembro de 2015

Olá Setembro, Adeus boa vida



Setembro. Para uns, o início das mais aguardadas férias. Para outros, a ruína dos sonos prolongados até ao 12h.

Não sei se é por estar no meu último ano de secundário, ou por eu ter crescido mentalmente, mas este ano não estou nem um pouco preocupada ou mesmo ansiosa para que as aulas comecem, para rever bons colegas que não vejo há imenso tempo. Na verdade, estou num estado emocional tão neutro que, quando as aulas começarem, nem vou dar por conta.

O tempo passa mesmo a correr. Ainda ontem entrei para o 10º ano, e daqui a dezanove dias vou estrear o 12º... Pelas minhas perspetivas, há de ser um bom ano. Apenas uma disciplina para estudar para testes, projetos e trabalhos a desenvolver, aperfeiçoar os meus talentos enquanto artista. Provavelmente terei muitas tardes livres, e com sorte, um dia por semana sem ir à escola (rezando). Há de ser um ótimo ano.

Para aqueles que ainda não se mentalizaram que já estamos no mês das aulas, não desesperem. Coloquem de lado esses pensamentos negativos de que "a escola é uma seca"  ou "não quero acordar cedo", porque não é bem assim... Muito pessoalmente, eu sempre gostei da escola, de ir às aulas, de aprender... É verdade que existem aqueles professores, aqueles colegas ou mesmo aquelas funcionárias que nos dão a volta ao estômago, mas a melhor solução para esse problema é ignorar. Não vale de muito stressarmos com aquilo que não nos faz bem. Em vez de nos preocuparmos com aquele colega com cara de rato, mas que tem a mania de que o seu queijinho é muito bom, pensem no quão fantástica é a vossa caminha e no quão confortável é estarmos de pijama! Com certeza a vossa vida melhora naquele instante (ou então sentem uma súbita vontade de chorar perante as saudades e a dor que sentem por terem abandonado a cama que estava tão agradável).

Voltando àqueles pensamentos negativos. Ir à escola não é assim tão mau. Melhor vida do que a de estudante vocês não encontram. Basta olharem para os vossos pais, os vossos avós, ou mesmo para aqueles que cuidam de vocês desde que vocês desconfiam da vossa existência; no esforço que eles fazem para trabalhar, para colocar comida na mesa e para pagar as contas. Interiorizem na vossa mente as vezes em que essas mesmas pessoas já se lamentaram pelo facto de terem contas para pagar, dívidas para saldar. Enquanto não tiverem de o fazer, não reclamem que ir à escola é mau. Simplesmente aproveitem esta vossa fase de adolescentes.

Sim, custa acordar cedo, abandonar a nossa cama e ter de olhar para a cara de certas pessoas, mas pensem nas coisas positivas. Nos verdadeiros amigos, nos professores que vos ajudam, nas funcionárias que vos dão papel higiénico quando nenhuma casa de banho o tem... Se pararem para pensar em todas as vantagens de irem à escola, até de sorriso vocês acordam (dose excessiva de otimismo aqui).

E não há nada melhor do que ir à papelaria mais próxima ou à Staples para comprar materiais escolares. Pelo menos para mim que estou em Artes Visuais...

Agora, deixem-se de coisas, façam a vossa mega lista de compras de materiais escolares, rezem para terem um bom horário escolar, assim como para terem uma boa turma, e parem de reclamar da escola. Enquanto isso, eu vou chorar para um canto a minha desgraça de ter de começar a acordar cedo, quando nestas férias passei o tempo inteiro a dormir às 5h e a acordar às 13h (e não contem a ninguém porque isto é segredo).

2 comentários:

  1. Bom texto de regresso às aulas Lyne😊 identifiquei-me e tbm deu pra refletir , e quanto ao teu horário de dormir , os meus são bem piores então nem comento 😂🙊

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Núria! :D
      Obrigada por teres gostado do texto, assim como pelo comentário.
      Nós e os horários de dormir, não é verdade?
      Beijinhos.

      Eliminar