12 de outubro de 2015

Séries \\ O regresso de TVD

Fonte fotográfica: Google

Vamos falar do facto de TVD ter regressado, finalmente, com a sétima temporada. Eu estava com esperanças de que o primeiro capítulo de introdução me fizesse vibrar, e o que aconteceu foi que eu rebentei com tanta vibração. I mean eu queria, pelo menos, algo com ação, nada de muito complicado de se perceber e algum do mistério que sempre coabitou com tantos outros géneros. E tudo isto acabou por acontecer em quarenta e cinco minutos. Não há palavras para descrever o quão ansiosa eu estou para os capítulos seguintes. Embora esteja desconfiada do que possa vir a acontecer tendo em conta tudo o que aconteceu no primeiro episódio, os últimos dois minutos deram que falar. Porém, se esta nova temporada englobar todo aquele brilho que me iluminou e conquistou nas primeiras temporadas, lágrimas estão garantidas para o resto da minha vida. Toda aquela angústia que senti com as temporadas cinco e seis foram devidamente compensadas com esta season premiere. E nem me atrevo a contar o que é que aconteceu, pois posso dar spoilers. Recomendo a todos aqueles que estejam à procuram de algo que engloba seres sobrenaturais, ação e que nunca tenham visto.

2 comentários:

  1. Faltam-me dois ou três eps da sexta temporada, mas confesso que não sei se vou ver a nova. Sem a Elena sinto que nada fará sentido, mesmo que ela seja uma personagem chatíssima!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. (Rindo com o chatissima)
      Eu cá já estava à aguardar para que algo deste género acontecesse, pois estou bastante ansiosa para saber como é que o resto do mundo funciona sem ter a Elena fisicamente presente. Quero é ver como é que os Salvatore se safam contra a sua mãe e desejo com toda a minha alma que a Bonnie se transforme numa badass e queime aquela gentalha toda. (Só mesmo porque sim)

      Eliminar