segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Mulheres \\ Como aliviar as dores menstruais

(rapazes, isto também serve para vocês... U know... Vocês também têm mulheres na vossa vida. Fica a dica)


Já lá se vão dois meses desde a primeira vez em que me vi uma "mulher possuída". Para quem não percebeu, quando criei este blogue, escrevi uma publicação a falar do grande fenómeno que é ter a menstruação. E não encontrei título melhor do que "O dia em que as mulheres ficam possuídas". Diverti-me imenso ao escrevê-la.

Porém, hoje não venho "brincar" com o assunto. Sou daquela espécie de mulher que passa pela fase de ter o útero quase extraído pela força do além, o que me faz sentir dores horrendas e que me impedem de realizar tarefas normais, para além de ficar na cama encolhida (sim, ficar deitar é uma tarefa). Para me ajudar a mim mesma e a outras mulheres que lêem o blogue, hoje trago-vos umas quantas dicas que, por meio de pesquisas e aprendizagens, ajudar-vos-ão a ultrapassar estes dias sangrentos (rapazes, isto também é para vocês, tendo em conta que têm mães, irmãs, primas, namoradas que também passam por isto).

1. Antes de mais, convém estar de olhos abertos no que toca a esta questão. Pode não ser o hábito de muitas raparigas, mas um conselho que vos dou mascarado de dica é para apontarem os dias em que a vossa menstruação chega, para a partir daí contarem a quantas vão os vossos ovários e hormonas. Tenham em conta o vosso ciclo menstrual para conseguirem calcular de modo preciso ao fim de quantos dias é que vocês menstruam. Ao tornarem isto uma rotina, ser-vos-à mais fácil arrumar as ideias e o necessário para não sofrerem tanto.



2. Tenham como reserva um bom número de comprimidos que ajudem a diminuir as dores menstruais. Têm o famoso Trifene 200, assim como os Ibuprofenos. Antes da semana da menstruação, tenham o cuidado de comprar a medicação indicada para estes dias e assim que a menstruação der sinais de si, tomem logo um por precaução. Verão que as dores estarão reduzidas ao fim de um tempo.

3. Bebam muita água, assim como chás que contribuam para que os dias que se seguem sejam minimamente agradáveis. Bebam, preferencialmente, chás de camomila e lúcia-lima, pois para além de vos acalmarem psicologicamente, estes chás ajudam na minimização das dores.

4. No caso das dores serem para lá de desconfortáveis, dêem uso ao vosso saco de água quente, enquanto se acomodam na cama, de olhos fechados e respiração controlada. Ao fim de um tempo, já nem darão conta do desconforto.

5. Mantenham o vosso corpo em movimento. Parece um absurdo. Como é que é possível uma pessoa com dores horrendas se conseguir mexer? Simples. A pessoa pode ficar deitada por uns bons momentos com o saco de água quente e depois alongar na cama em certas posições que aliviem o útero e permitam a circulação do sangue, assim como preparar um circuito de treino que vos permita mexer o corpo. Eu tenho por hábito mexer-me em casa, mas quando estou no meu primeiro dia de menstruação, não faço nada. Tenho como sina enroscar-me na cama enquanto choro de dores, acompanhada de um saco de água quente (acabei de vos retratar a minha vida hoje, há duas horas atrás). A partir do segundo dia, já me aventuro e faço uns quantos exercícios que me permitem transpirar e auxiliam na circulação do sangue. Vão por mim, sempre que estou assim e tenho treinos de dança, ao fim deles já estou bem. Posso sentir desconforto algumas vezes, umas quantas picadas de dor, mas nada que me impeça de mexer (atenção, no segundo dia). Como sugestão, sempre podem fazer uso da aplicação Workout Trainer, que disponibiliza todo e qualquer tipo de exercícios, planos e circuitos, assim com tempo ou individuais.

6. Alonguem, alonguem, alonguem. Como me disse a Panda "Quando estamos nestes dias, fazemos ioga sem saber" (mas noutras palavras). Eu ri-me, mas acabei por concordar pois é um facto que provavelmente nos encontrem numa pose quase impossível, todas angulosas, em busca de uma posição confortável. Já se tornou numa rotina alongar-me antes de dormir, mas reforço a atividade quando estou menstruada. Como exemplos, podem experimentar estes quatros alongamentos que funcionam muito bem, quando ficamos na mesma posição durante cinco ou mais minutos.


A substituir a manta da primeira foto, podem sempre encaixar a bolsa de água quente e permanecer em posição de frango  por muito tempo. Quando derem por vocês, já não sentem nada!

7. Esta dica deveria estar no topo da lista, mas ainda vai a tempo de entrar aqui. Tenham um cuidado redobrado com a vossa alimentação. Evitem ingerir líquidos gasosos, sal em excesso, gorduras e doces. Estes fatores contribuem para o inchaço que já lá vai e que também provoca dores. Prefiram as sopas, os legumes, as frutas e os grelhados (aproveitem e puxem esta alimentação para o resto dos vossos dias. Perderão os quilitos a mais e tão dificilmente ficarão muito inchadas).

Para além destas dicas que funcionam muito bem comigo e que me ajudam imenso a ultrapassar estes dias, se eventualmente nada disto funcionar convosco e as dores permanecerem, consultem um médico de modos a percebem o que é que se passa com o vosso organismo. É bem possível que o mesmo não ande a reagir bem com algum tipo de alimento ou sinta falta de alguma vitamina ou nutriente.



Espero ter-vos ajudado com esta publicação. Têm alguma dica que queiram acrescentar e que funciona bem convosco? Se sim, por favor, deixem nos comentários. :)

1 comentário: