quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

BLOG RELATED \\ "Querida Inês Martins..."

Lembraste daquele mega comentário que deixei para ti na publicação em que nos disponibilizaste as tuas melhores quinze publicações? Pois bem, ainda há muito para dizer. Do pouco tempo em que sei da tua existência, só tenho a afirmar que uma parte de mim mudou. Algo em mim evoluiu, mesmo que só tenha sido numa pequena percentagem. Muitos acham que este tipo de "influências" são apenas clichés, mas eu já cá ando pelo mundo virtual há tempo suficiente para saber o quanto é que a presença de alguém nos pode mudar a maneira de pensar. Do que li no teu blogue, só sei que demonstras ser uma pessoa espetacular, de opiniões vincadas e muito bem defendidas. Mostras ser uma mulher de garra, que quando quer alguma coisa, luta por isso até ao fim. Recordo-me de ter lido um texto teu, em que falavas de que houve uma altura na tua vida em que estavas demasiado em baixo, de uma auto estima inexistente e que o aparecimento de alguém influenciou-te para que melhorasses. Embora digas que melhoraste por e para ti mesma, acredito que no tempo em que foste combatendo a tua depressão (corrige-me se estiver a utilizar o termo errado) a presença desse alguém auxiliou-te e muito nesse trilho perigoso. E isso Inês, é bastante admirável.

Mas de que forma me mudaste?, pensas tu e todos aqueles que provavelmente estão a ler este texto?... Digamos que sou influenciável até ao ponto em que me permito. Gosto, essencialmente, de aprender. Seja com pessoas mais novas do que eu ou mais velhas. Defendo que aprender nunca é demais e é sempre uma mais valia para o futuro. Como já disse por aí algures, ter criado um blogue abriu-me tantos horizontes que eu já perdi a conta. Talvez percebas o que quero dizer. É uma fase em que devemos ser introspetivos o suficiente e seletivos naquilo que queremos abordar. Mesmo que não queiramos, crescer é quase que uma condição se desejarmos alcançar um certo objetivo. Aprendemos a ser observadores, aprendemos com os erros do passado. Dispomo-nos a abraçar aqueles que nos rodeiam e desabafamos os melhores e os piores momentos da nossa vida, dos pensamentos que se prendem na nossa mente. E tu minha cara, és daquelas pessoas que faz isto e muito mais. Embora te apercebas da influência que provocas nas pessoas, penso que a cada dia que passa se torna mais inacreditável. Os comentários, maravilhosos, o feedback, as partilhas que se fazem dos teus conteúdos. Mas isto é tudo aquilo que mereces. És recompensada pelas boas vibes que espalhas e pela força que depositas em cada um dos teus leitores.

Parece que me esqueci da mudança que sofri ao deparar-me com o teu blogue, mas é só ilusão. Ler aquilo que partilhas acrescenta ao meu ser litros e litros de mais sabedoria. Ensinaste-me que por muito fundo que seja o poço, existe sempre uma corda pela qual podemos escalar. Mostraste-me que cinco segundos a contemplar o objeto mais simples são cinco segundos poderosos. De certa forma, plantaste nesta Carolayne de dezassete anos mais força do que aquela que ela poderia imaginar. Conseguiste provar-me que com muita força e dedicação, não existe montanha que não possa ser escalada. Mesmo que não saibas, sempre que me recordo do Bobby Pins, apercebo-me de que existem tantas coisas a serem exploradas, tantos sentimentos maus a serem despejados pelo cano abaixo e tantos sorrisos pelas coisas mais simples, que se torna quase impossível fazê-lo numa vida que pode ser curta. Apercebo-me, agora, da importância do amor próprio e do respeito por nós mesmos. Aprendi que o amor é algo bastante poderoso! A cada frase pelas quais os meus olhos passam, sinto-me flutuar pelas histórias que elas carregam e isso consegue inspirar qualquer um...

Apenas escrevo este texto para te dizer o quão grata estou por fazeres parte do grupo de pessoas que me consegue alegrar o dia, mesmo quando este está dum tom acinzentado... Passaste, também, a fazer parte do grupo de pessoas que me inspiram a ser alguém melhor, convicta das minhas qualidades e capaz de defender as minhas opiniões. E por muito que exista ainda mais por dizer, acredito que surgirão mais alturas para o fazer. Mas por enquanto, quero adormecer sabendo que este texto chegou a ti e fez-te ver, uma vez mais, que a tua existência compactua com toda a presença que jamais se poderá transformar em ausência.

Com muito amor,
Carolayne 'Lyne' Ramos
20/01/2016

5 comentários:

  1. Oh Carolayne... Estou sem quaisquer palavras, estou completamente sem reacção. É tão inacreditável para mim ter este poder de inspirar pessoas que já são maravilhosas por si próprias, como tu. Estou tão grata por esta mensagem cheia de ternura e que acredito ser tão genuína. É de uma enorme responsabilidade ser a inspiração de alguém e ainda mais responsabilidade é ser a inspiração de alguém sem sequer o imaginarmos. Espero não falhar nesse papel.
    Obrigada por te lembrares de mim e das minhas palavras e mensagens e de te inspirares por elas. É um gesto inacreditável, mas também é um gesto muito bonito. Muito obrigada. De coração.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora quem ficou sem as palavras fui eu... Acredito que eu tenha dado a voz não só àquilo que sinto, como também àquilo que todos os teus leitores sentem em relação a ti. E essa tua pessoa maravilhosa é o melhor agradecimento que nos podes dar. Enquanto permaneceres com esse coração puro, existirão sempre pessoas que te tomarão como inspiração. <3

      Eliminar
  2. Adorei o post :). O blog da Inês é um dos meus blogs favoritos. Ela é uma pessoa tão positiva, tão feliz com a vida, ambiciosa... O blog dela é uma fonte de inspiração.
    Concordo contigo, a blogosfera também me abriu muitos horizontes e mudou a minha forma de ver o mundo. E, secalhar, é por isso que eu adoro tanto a blogosfera.
    Beijiinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Inês merece tudo de bom que a vida lhe puder dar.
      E a blogosfera é um mundo bastante fascinante e eu fico cada vez mais maravilhada com as mudanças positivas que sofro devido a isso. Espero que assim permaneça. :D

      Beijinhos <3

      Eliminar
    2. Não podia concordar mais!! O blog da Inês é sem dúvida dos mais especiais e um dos meus favoritos.

      Eliminar