terça-feira, 2 de agosto de 2016

O baú de recordações

Consegui, finalmente e uma vez mais, semi-riscar um item da minha wishlist: no lugar de criar um álbum de fotografias, já consegui selecionar e organizar por pastas as correspondentes para representarem os últimos três anos. Durante muito tempo, fui alimentando a coragem de me sentar e fazê-lo, não tivesse eu de enfrentar uma coleção de mais de mil fotos que se foram acumulando ao longo destes anos, e o passado domingo mostrou-se perfeito para isso. Penso que o mais complicado nisto tudo não foi ter passado metade do dia a fazê-lo, mas sim escolher um grupo de fotografias que pudessem representar um certo momento, ou mesmo ter de optar entre diversos deles. Acaba sempre por crescer uma nostalgia aqui dentro, ao mesmo tempo em que uma recordação há muito escondida nos acena lá de longe nos pensamentos. Foi ter recordado da pessoa que era e constatado as mudanças que sofri, tanto físicas como psicológicas; foi ter gargalhado com as figuras das quais me tornei fã, por pura e simplesmente partilhar do mesmo talento com alguns dos meus amigos; foi ter ficado parada a observar cada pormenor de um panorama e descobrir detalhes novos e dos quais nunca me tinha apercebido... Nesse pequeno ato de coragem, reconheci a importância de a dedicarmos a algo tão simples como seleccionar os representantes da nossa passagem pelo tempo. Não só faz bem organizarmos as coisas como elas merecem, como também fugir um pouco da realidade do presente para uma realidade que já lá foi e que ajudou a manter o nosso dia-a-dia como ele é. Fez-me bastante bem entrar e sair de diversas pastas e encontrar os ditos achados no meio de muitos perdidos e veio-me à cabeça partilhar alguns desses pedaços num espaço que me parece muito mais do que adequado e convosco. Estarei novamente a moldar no presente a viagem ao passado, mas nada melhor do que conciliar estes dois espaços temporais que, de certa forma, pertencem-se como mais ninguém!

A primeira vez em que li "Harry Potter" (2015)

Um dos muitos diplomas de mérito que recebi, sendo o primeiro do secundário (2014)
Um dos muitos espetáculos onde atuei (2015)
Team Gemini - Eu e a Nobel (2016)
A primeira vez em que passei por Braga (2015)
Quando a Nenko fez 18 anos! (2016)
A primeira vez em que fui ao Porto (2016)
Uma parte do grupo de dança Exclusive Dancers, onde fui integrante (2014)
Eu e a Nenko, a melhor e única professora de dança que já tive na vida (2014)
Quando fiz 17 anos (2015)
Receção ao segundo diploma de mérito, correspondente ao segundo ano no secundário (2015)
O primeiro, único e melhor professor de dança que já tive na vida; a realizar um solo (2015)
A primeira vez em que fui ao Gerês (2015)
A primeira vez em que fui ao Gerês (2015)
Eu e a minha prima no Natal (2015)
Quando cortei o cabelo pela primeira vez (2014)
Matosinhos (2016)

E tantos e muitos mais pedaços destes guardo para mim. Dizem que uma imagem vale por mil palavras e cada vez mais acredito nisso!

4 comentários:

  1. Sou suspeita por ser uma amante dos registos fotográficos, mas é tão maravilhoso poder ter visto pedacinhos importantes de ti nestes últimos 3 anos. As imagens valem mais que mil palavras e esta é uma das frases mais certeiras. O brilho dos teus olhos, o teu sorriso, as tuas expressões... Tudo isso reflecte na perfeição o teu percurso: trabalhoso, reconhecido, enérgico mas, acima de tudo, muito feliz!
    Continua assim Lyne :)

    ResponderEliminar
  2. Obrigada por partilhares connosco um pedaço de ti :). Tens aí fotos muito giras.
    Também quero fazer um álbum de fotografias com as fotos que estão há muito esquecidas em pastas num disco rígido, mas ainda não arranjei tempo ( nem recursos xD) para tal.
    Concordo contigo, não é uma tarefa fácil escolher entre diversas fotos aquelas que vão ser as representantes de um determinado momento ( eu tenho quase 1000 só de umas férias no Algarve, estou tramada xD). Mas deve ser mesmo fixe no processo da construção desse álbum recordar momentos, eu adoro ver os álbuns de quando era pequena para recordar a minha infância.
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  3. É tão bonito ver o teu percurso assim :)

    Cátia ∫ Meraki

    ResponderEliminar