4 de outubro de 2016

POTTER WEEK \\ Coisas que estou a aprender com a saga "Harry Potter"

É bastante comum vermos por aí pessoas que relatam a sua experiência de vida enquanto leitores e admiradores de Harry Potter. Embora me tenha declinado ao longo dos anos em relação a esta saga - e cujas informações vocês já bem devem saber de cor e salteado - a verdade é que, bem, estou cada vez mais rendida. Existe qualquer coisa nesta história que nos seduz, que nos encanta, que nos enrola nos seus braços e nos acalenta a cada palavra. J. K. Rowling, aos meus e aos olhos de muitos, é considerada uma das melhores escritoras de todos os tempos. E não é para menos, esta mulher teve - e tem! - a capacidade de construir de raiz um mundo mágico que ultrapassa a fantasia com que muitos encaram. Se no passado eu me senti amedrontada com aquelas cenas dos primeiros filmes, hoje me babo a cada passagem, ao desenvolvimento das personagens, ao facto de me sentir inserida nas mesmas aventuras do Harry, do Ron e da Hermione.

Como tal, e estando atualmente a ler pela primeira vez o sexto livro da série, trago-vos uma pequena grande lista de coisas que tenho vindo a aprender, à medida que desvendo os segredos desta história.

O AMOR É A ARMA MAIS PODEROSA DE TODAS \\ Esta deve ser, de uma forma geral, a maior lição que retiramos desta história. Se não fosse pelo amor de mãe, hoje a trama de Harry Potter seria diferente. Foi graças a esse instinto protetor, que Harry é aclamado O rapaz que sobreviveu, e que, do lado contrário, por falta dele, Lord Voldemort tem o destino que lhe pertence. O amor, porém, não existe somente de Lilly para Harry. Este sentimento habita nos laços criados entre esta personagem e os seus amigos, cuja proteção ultrapassa qualquer provocação; entre os pais desses mesmos amigos e Harry; e até mesmo entre os professores e o próprio Harry. Enfim, o amor move montanhas!

A AMIZADE, IGUALMENTE, É BASTANTE IMPORTANTE \\ E quem é que nunca desejou fazer parte de um trio que nem Harry, Ron e Hermione? Estes três são a prova de que, independentemente das diferenças, dos títulos que nos concederem, das advertências, a amizade também é capaz de combater os piores Dementors à face da terra!
O PRECONCEITO EXISTE, ATÉ, NO MUNDO BRUXO \\ Todos conhecemos bem as manias dos sangue-puro, e aquilo que eles pensam em relação aos bruxos cuja linhagem está "manchada". Pois bem, esta é uma das evidências de que este mundo mágico é tão real como o dos muggles. Não há aqui, para além da magia, algo que demonstre que a história de Harry Potter não pudesse se assemelhar com a vida real. O que apimenta mais esta história é exatamente o facto de esta não ser muuuuuito fantasiosa, ao ponto de não detetarmos sinais com os quais nos identifiquemos. Talvez por isso é que gostamos tanto de toda esta saga!

POR MUITO DIFERENTE QUE SEJAS, TENS SEMPRE A OPORTUNIDADE DE BRLHAR \\ Hermione Granger é a prova viva de que, sendo sangue-puro, ou sangue de lama, ou muggle, se vieste ao mundo para teres sucesso, seres inteligente e criares movimentos que protejam outras entidades diferentes de ti, então podes ter a certeza de que com a dedicação certa, chegarás lá. Granger deve ser das personagens mais inteligentes, perspicazes e racionais que alguma vez tive a oportunidade de conhecer (juntamente com o Dumbledore, é claro!). Embora por vezes a ache um pouco chatinha por ser bastante metódica, a verdade é que gosto muito dela, identificando-me muitas vezes com a sua forma de pensar. O seu maior ato de coragem teve que ver com o feitiço do obliviate, e tendo em conta a circunstância da situação, ela é mesmo bastante admirável aos meus olhos!
A TUA VIDA PODE TER TUDO PARA DAR ERRADO, MAS TU ÉS MAIS FORTE \\ Alguma vez pararam para cogitar acerca da vida do Harry, e do quão problemático ele poderia ter sido, não fosse pela "educação" que ele recebeu por parte dos tios? Ele sempre foi desprezado, mal tratado, visto como um animal! Muitas pessoas no mundo cá fora passam do mesmo mal que o Harry passou, e o caminho que a maior parte segue nem sempre é dos melhores. Contudo, e mesmo tendo de esperar onze anos para que a sua vida mudasse, Harry nunca sucumbiu na má vida, guardando no coração a esperança de que a sua vida mudaria. Tal acabou por acontecer, até ao momento em que ele teve de enfrentar o seu maior inimigo na batalha final. Em suma, muito mais do que costumamos aprender, Harry Potter é uma história que nos abre os olhos para as coisas boas que nos podem acontecer, independentemente da crueldade que é a nossa vida.

1 comentário:

  1. HP é muito mais que uma historia de miudos, muito muito mais! E é por estas aprendizagens que é algo que gosto tanto, não é só um livro ludico como é uma fonte de inspiração e de coisas boas!

    ResponderEliminar