2 de junho de 2017

RETRO'17 \\ O mês de Maio

O mês de Maio passou a correr. Não sei bem o que vos relatar acerca do mesmo, tendo em conta de que, de todos os meses possíveis em que estive na faculdade, este foi o mais louco. Mais do que poderia imaginar, estudei o quanto pude, esforcei-me mais do que deveria, lá consegui ter tempo para as minhas coisas e pessoas, saí com os meus, celebrei muitas vidas, dancei bastante, cheguei a casa fora de horas - e tudo porque tinha de estudar! -, unifiquei ainda mais as minhas relações, fui-me abaixo, mas não por completo. 

Metade de Maio já se desvaneceu em termos de memória, mas no que toca a sensações, aqui ainda florescem umas quantas. Há um ano atrás, recordo-me de que Maio foi o mês em que eu finalmente me tinha visto livre de resíduos perigosos, o mês em que me havia descoberto por completo, alcançando, assim, um patamar de felicidade que nunca julguei possível. Um ano depois, sei que já não sou a mesma pessoa, com os mesmos princípios e formas de pensar. Mudei bastante, tenho vindo a crescer e a cultivar os meus saberes, e agora sim compreendo o que é que se passou há doze meses antes, não obstante julgasse que sim, só naquele momento, é que eu sabia o que é que se passava comigo.

Maio foi o mês de trajar pela primeira vez, o mês de traçar a capa, deixar de ser caloira e experimentar o início de uma vida aspirante. Sei que só o serei de forma oficial para o ano, mas mesmo assim, andar com a capa nos ombros foi a coisa mais sensacional de sempre! Vislumbrar uma paisagem negra, cada um dos seus pontos com características diferentes, a cola que a deixa intacta, deixou-me com as lágrimas suspensas, sem nunca as deixar sair. Até hoje, aqui as tenho guardadas, à espera do momento certo para as deixar cair. Maio, foi de igual forma, o mês das apresentações, das frequências, de viver para as sebentas, de ter vontade de berrar por tudo quanto era sítio e, no entanto, converter o stress em alegria, tudo por estar rodeada de pessoas fantásticas e que tão bem me fazem! Foi o mês de rever uma grande amiga, o mês de voltar aos bons hábitos, o mês em que comecei a organizar o meu aniversário - e que já daqui a uma semana e um dia!

Maio foi um mês bonito, de alguma chuva e algum vento, do regressar da primavera e do calor. O mês em que ansiei ver terminado, não porque o estava a desgostar, mas sim porque desejo as minhas merecidas férias de verão, o meu descanso e a minha cabeça por completo. Tenho a certeza de que, daqui para a frente, as coisas só melhorarão, tenho apenas de fazer por isso!

Como foi o vosso mês de Maio? Já se encontram prontos para Junho? 

3 comentários:

  1. Maio foi um mês bastante intenso para mim, principalmente a nível escolar: tive imensos testes, apresentações e ainda tenho de estudar para os exames.

    Adorei o post! Beijinhos,

    La La Land

    ResponderEliminar
  2. Por norma, Maio é aquele mês complicado e que não nos dá muito tempo para tudo o que temos e queremos fazer. Para mim este não foi excepção e era um mês que tinha tudo para dar certo, mas nem sempre deu. Deixa lá ver como corre Junho :D

    Esse toque arquitetónico que deste ao blog... hummm... adoro! :D

    let's do nothing today

    ResponderEliminar
  3. Maio é sempre um mês complicado, cheio de frequências na universidade, mas também é um mês com tanto encanto para os universitários, principalmente para os caloiros ( como tu), que trajam pela primeira vez, vão ao cortejo e celebram na Queima das Fitas, e para os finalistas, claro.
    Mereces todo o sucesso deste mundo e muito mais, nota-se que és uma boa rapariga e determinada :). Aproveita bem a universidade que, quando bem aproveitados, são os melhores anos da tua vida.
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar